Edelman Significa: em que mundo acontece a comunicação?

Aktuellmix: o Live Marketing que desperta sensações
16 de julho de 2016
Imagem Corporativa: verdade + emoção para uma comunicação sustentável
16 de julho de 2016

Edelman Significa: em que mundo acontece a comunicação?

Na manhã de sexta-feira os participantes da RP Week tiveram o privilégio de conhecer a maior agência de Relações Públicas do País, a Edelman Significa. Vários profissionais interagiram com o grupo e em um bate-papo super inspirador, mostraram um pouco da cultura da empresa e da forma integrada e conectada que trabalham a Comunicação.

Diversos conteúdos relevantes foram abordados sobre o cenário da comunicação e o perfil dos profissionais. Para contextualizar a conversa destacou-se a importância de percebermos o contexto das coisas, de estar conectados com o mundo e com o que acontece nele, ou seja, entender em que mundo a comunicação acontece. Alguns fatores relevantes destacados foram:

  • Hiperconexão,
  • Poder individual,
  • Valor do coletivo,
  • A incerteza que a sociedade está vivendo,
  • A hierarquia versus a rede,
  • Propósito e significado,
  • A posse versus o acesso.

A partir disso surgiu o questionamento: que tipo de marca faz sentido no mundo atual? Ao discutir esses tópicos, percebemos a sintonia quanto ao entendimento do mercado presente – vários pontos abordados durante a RP Week sobre o comportamento das marcas foram relacionados ao conteúdo da visita.

Está evidente: as marcas precisam ser relevantes para sociedade, pois “antes de tudo somos cidadãos e temos vários papéis, não só o de consumidor”. Com a hiperconexão da sociedade e a lógica do acesso, a relação com as marcas muda, por isso é necessário que elas se descolem de seus produtos e serviços e representem algo: “Para criar identificação precisam fazer sentido, ter valores, causas, personalidade, transparência”.

image

As empresas precisam entregar muito mais do que produtos, caso contrário, o risco de não resistir à fatores como concorrência é grande. “A reputação das marcas ajuda, mas não resolve, pois trata do passado e do presente, e quanto ao futuro?” O poder se desloca da instituição para o cidadão: antes as marcas criavam as conversas, hoje precisam pedir licença para conversar com os públicos.

E quanto ao profissional de comunicação: Como atuar nesse contexto? Para falar um pouco sobre a cultura interna e o processo de seleção da Edelman, a equipe de RH apontou que um dos pontos valorizados pela agência, que atua globalmente, é a multiculturalidade da equipe. O perfil do profissional adequado para atuar nesse contexto é daquele que tem auto conhecimento e repertório, porque afinal “nenhum conhecimento sai de você, se nenhum tiver entrado antes”.

Além disso, o RP precisa olhar o todo e também as partes, focar nos negócios e nos resultados, ter ética (“essa nem precisamos comentar”) e empatia. Ter fluência no inglês foi outro pré-requisito muito enfatizado pela agência. Outras habilidades elencadas foram:

  • Capacidade de resolver problemas
  • Senso de urgência e realidade (pessoas conectadas com o mundo)
  • Coletividade e colaboração

A galera saiu da visita motivada com tanto conteúdo inspirador. Ao final, foi feito um tour pelos espaços da Edelman que terminou com uma linda imagem da cidade de São Paulo.

Redação TMPRP
Redação TMPRP
Acompanhe:
Edelman Significa: em que mundo acontece a comunicação?

Comentários

10479