Você sabe influenciar pessoas e apresentar ideias? Confira os insights de Letícia Kfoury

Fábio Prado fala sobre gestão de mídia e da dicas de como reter a atenção das pessoas nas redes sociais
Fábio Prado fala sobre gestão de mídia e da dicas de como reter a atenção das pessoas nas redes sociais
9 de março de 2018
Como ganhar dinheiro com RP | A série
14 de março de 2018

Você sabe influenciar pessoas e apresentar ideias? Confira os insights de Letícia Kfoury

leticia kfoury fala sabe influenciar pessoas e apresentar ideias

Se você está lendo este conteúdo, muito provavelmente pretende melhorar sua capacidade de se relacionar e influenciar pessoas. Sempre é desafiador fazer com que os outros gostem de você e aceitem seus pontos de vista, não é mesmo?

Mas existem algumas técnicas e métodos simples que podem nos ajudar a melhorar nossa comunicação. Letícia Kfoury, Relações Públicas por formação e consultora em gestão estratégica e coach, aponta que durante sua trajetória profissional descobriu que existe algo em comum em todas as áreas: as relações humanas.

“Somos todos aprendizes e podemos contar com inúmeras ferramentas simples e poderosas, quando bem aplicadas, para termos maior entendimento, definir as ações e agir”. Letícia Kfoury

Sendo RP ou não, precisamos aprender sobre a arte de influenciar pessoas. Continue a leitura para aprender dicas práticas de como apresentar ideias e influenciar pessoas.

Influenciar pessoas: técnicas de comunicação ou coaching?

Letícia entende que o comportamento humano é influenciado pela comunicação intra e interpessoal. Independente da origem e história de cada um, é possível estabelecer uma comunicação estratégica, reeditar pensamentos e construir novos caminhos.

Pensando no ambiente corporativo, as técnicas de coaching podem ser introduzidas em todos os níveis da organização. “Quando temos maior clareza de quem é a equipe, podemos tomar decisões mais assertivas. Isso acontece porque comunicação é interpretação e cada um pode ter a sua”, disse.

Letícia completou que “as ferramentas podem ser utilizadas para que todos se engajem no mesmo objetivo e seja possível aproveitar as forças e potencialidades de cada um, com maior performance. Essas técnicas são capazes de transpor barreiras antes invisíveis, com maior entendimento. Imagine a dimensão que isso pode ter quando toda a organização tem clareza das pessoas, incluindo elas mesmas?”.

Intraempreendedorismo: seja o ponto fora da curva

Alinhadas, as técnicas de coaching e comunicação são capazes de desenvolver e aprimorar habilidades de relacionamento. Isso porque a partir desse processo você aguça sua percepção de quanto e quais competências devem ser melhoradas.

Quer melhorar a capacidade de se relacionar com as pessoas? Saiba ouvir!

Sim! Somos seres sociais! O maior desafio da comunicação é conseguir conectar mundos diferentes. Como fazer isso em um contexto em que as pessoas cada vez mais querem falar?

“Sabe aquele ditado que nos lembra que temos dois ouvidos e uma boca? (rs) Acredito que a dica de ouro para relacionar melhor é saber ouvir!”, comentou.

Nesse contexto, a palavra ouvir fala sobre “mergulhar no mundo de quem escuta, entender seus anseios, necessidades e dúvidas. Explorar a realidade do outro de forma empática e depois criar as conexões”.

Uma dica: que tal perguntar e ouvir abertamente, antes de formular a resposta? Melhor ainda, que tal começar a ouvir os seus diálogos internos e melhorar o seu relacionamento intrapessoal antes?

 

3 pontos-chave para apresentar ideias e influenciar pessoas

Existem várias técnicas que podem ser compartilhadas. Para este post, Letícia selecionou 3 pontos que podem ser praticados por qualquer pessoa.

1. Ter domínio do assunto

O primeiro ponto é ter domínio do assunto que será abordado. A preparação antecede uma apresentação de sucesso. Assim como um artista precisa de ensaios antes do espetáculo, é possível ensaiar a apresentação.

2. Ser didático

O segundo ponto é o material que deve ser didático, visual e de domínio de quem fala. O material é uma extensão do palestrante e deve traduzir sua personalidade, considerando o nível de conhecimento do público. Quando somos apaixonados pelo que falamos, podemos cometer o erro de achar que quem escuta também se apaixonará.

Para evitar cair nessa cilada, uma opção é construir a apresentação pensando no público e incluir a sua mensagem no contexto dele, na linguagem adequada e evitando muitos termos técnicos. Esse vai ser um bom exercício, já que precisará estudar antes o mundo de quem escuta.

3. Empatia

O terceiro ponto é criar sinergia com as pessoas no momento da apresentação. Sabe o famoso “quebra-gelo”? Perguntas estratégicas são uma ótima opção.

Mas toda habilidade é conquistada fazendo. Então, faça acontecer. Nada melhor do que praticar e melhorar as técnicas para se conectar cada vez melhor com as pessoas.

Relações Públicas: o profissional da empatia

É preciso ser líder para influenciar pessoas?

Para ter a capacidade de transformar as pessoas, é preciso saber liderar. E, nessa posição, mais do que saber ouvir é fundamental fazer com que as pessoas queiram te ouvir.

Para Letícia, todo líder é um influenciador, mas não necessariamente é preciso ser líder para influenciar. Isso porque é possível influenciar sendo referência em um determinado assunto, por exemplo.

“Então a minha dica é ser referência no que estiver fazendo. Estude, aprenda, pratique e se faça visto! Na sua própria caminhada, influenciará as pessoas com o seu exemplo. Vá além, seja autêntico no que se propõe a fazer e busque equilíbrio entre autenticidade e empatia.”

É importante dizer que os métodos básicos não garantem que você terá os resultados esperados em todas as ações, mas que, na maioria dos casos eles funcionam e te fazem uma pessoa melhor.

Com a prática, as dicas apresentadas neste conteúdo farão parte do seu dia a dia e você perceberá uma melhora das suas habilidades em lidar e se relacionar com as pessoas.

Por fim, Letícia disse que “tem que ser divertido. Ao longo da minha trajetória, aprendi uma grande lição: quem é livre, está livre para voar mais alto! Mais ainda: A maior liberdade é a liberdade da mente”.

Você também vai gostar de ler:

Lucas Taidson
Lucas Taidson
Relações Públicas em formação e Redator Web. Amo o que faço e dedicar-me a isso se torna mais fácil, proveitoso e até divertido.
Acompanhe:
Você sabe influenciar pessoas e apresentar ideias? Confira os insights de Letícia Kfoury

Comentários

12657