Snapchat como ferramenta de relacionamento? Hummmm…depende! E muito!

Como f***r com uma ação épica pela PAZ mundial
26 de agosto de 2015
Sobre o #MeuAmigoSecreto
1 de setembro de 2015

Snapchat como ferramenta de relacionamento? Hummmm…depende! E muito!

Vamos começar contextualizando a plataforma do momento! O snapchat é uma plataforma de mídias sociais utilizada principalmente pelos públicos mais jovens e com forte apelo de imediatismo, volatilidade, efemeridade e tempo real.

Entre as suas características de funcionamento, está a possibilidade de tirar fotos, gravar vídeos, adicionar textos e desenhos à imagem e escolher o tempo que a imagem ficará no visor do amigo de sua lista. O tempo de cada snap é de 1 a 10 segundos, e após aberto, a imagem ou vídeo somente poderá ser vista pelo tempo escolhido pelo remetente. A imagem é excluída do dispositivo e também dos servidores.

Como reúne uma audiência jovem e/ou descolada e virou sensação, algumas marcas já adentraram à plataforma para marcar presença, digo, território e outras, para testar novos formatos.

Marcas como Tacobell, RedBull, Sephora, Colcci, Heineken já usam a plataforma. Vou destacar duas das que eu citei com atuação nacional: Colcci e Sephora.

A Colcci, durante o São Paulo Fashion Week/14, fez a transmissão dos bastidores via Snapchat. Ação bacana para quem curte a marca e tem curiosidade de conhecer um desfile.

 

 

 

 

A Sephora simplesmente marcou presença no Snapchat e tem se valido de pequenos vídeos dos seus produtos.

 

 

 

A Heineken, durante o Festival de Música Coachella, também mostrou flashes e bastidores.

 

 

 

Uma empresa que é tida como referência na ferramenta é a TacoBell. Com fotos e vídeos, expõe produtos, fala de situações cotidianas e se revela por ali também.

 

 

Minha grande dúvida é: em uma plataforma cuja característica é a volatilidade, a efemeridade, o imediatismo, uma vez que os conteúdos são apagados, como se constrói um relacionamento? Não seria um território de visibilidade para as marcas apenas? O que vocês acham? Têm exemplos bacanas para contar?

 

Carol Terra
Carol Terra
Carolina Terra é doutora e mestre em Interfaces Sociais da Comunicação, ambas pela Escola de Comunicações e Artes da USP. É pesquisadora, consultora e professora de Mídias Sociais e Comunicação Organizacional, atuando como docente na Fecap, FAAP, Belas Artes e ECA-USP. É autora do livro Blogs Corporativos (Difusão Editora) e editora do blog RPalavreando.
Acompanhe:
Snapchat como ferramenta de relacionamento? Hummmm…depende! E muito!

Comentários

9330