Relacione-se com os haters, inclusive.

Amplificar o seu conteúdo se tornará ainda mais crítico
30 de dezembro de 2015
Conteúdo próprio é a base de qualquer estratégia
30 de dezembro de 2015

Relacione-se com os haters, inclusive.

Nem sempre um comentário negativo tem como intenção ferir a reputação de uma marca. Pessoas impulsivas podem impactar ainda mais negativamente graças ao efeito de “fogo em capim seco” das redes sociais.

É difícil saber quem tem uma coluna em uma publicação que você espera ganhar visibilidade, ou é um potencial comprador com uma enorme comunidade nas redes sociais. Ou, ainda, se aquela pessoa que passou por uma má experiência é alguém com quem você já está conectado no Linkedin tentando estabelecer um relacionamento harmonioso.

O QUE FAZER EM 2016

1. Estabeleça processos que antes de mais nada evitem experiências negativas. Treinar as suas equipes de forma efetiva para gerir crises é o passo número zero.

2. Não ignore os seus *haters*. O silêncio, nestes casos, pode significar uma espiral tóxica que depois será impossível sair.

3. Utilize conteúdo para educar e atrair não apenas clientes, mas também embaixadores e candidados (alô, RH!).

4. Prepare a sua equipe para facilitar boas experiências interna e externamente. Nas redes sociais ou fora delas, todos queremos engajamento e não interrupção. Atender bem os clientes é responsabilidade de todos.

5. Envolver os seus seguidores, leads e clientes mais próximos na história que a sua marca, ideia, produto ou serviço conta. Mais do que empenhar esforços em superar a crise, é fundamental fomentar uma cultura colaborativa e participativa. Esse é o presente e o futuro.

Ariane Feijó
Ariane Feijó
Trabalha com Relações Públicas e Marketing Digital há mais de 15 anos tendo passado por grandes multinacionais como Dell (Brasil), KPMG e Lloyds TSB (Inglaterra) e trabalhado com países como Estados Unidos, Alemanha, França, Espanha, Rússia e Índia. É sócia do coletivo Todo Mundo Precisa de um RP e idealizadora do Inbound PR, metodologia que desenvolveu para combinar inbound marketing com RP e aplica em empresas de diversos portes.
Acompanhe:
Relacione-se com os haters, inclusive.

Comentários

9617