Bienal de SP – Gil Vicente: excesso ou liberdade de expressão?

@Folha_ombudsman e Twitter, um caso de amor e ódio!
22 de setembro de 2010
Comunicação: Receita ou despesa?
27 de setembro de 2010

Bienal de SP – Gil Vicente: excesso ou liberdade de expressão?

por Lívia dos Santos

Com o objetivo de refletir a relação entre arte e política, a 29ª Bienal de São Paulo abre suas portas ao público amanhã, sábado (25), a partir das 10h. A população ainda não conferiu as obras expostas este ano, mas já foi convidada a reflexão com a polêmica série “Inimigos”, do artista pernambucano Gil Vicente.

As obras que consistem em desenhos feitos a carvão, retrata o próprio autor assassinando importantes figuras públicas, como o ex-presidente FHC, seu sucessor Luiz Inácio ‘Lula’ da Silva, a rainha da Inglaterra Elizabeth II, o ex-presidente americano George W. Bush e até mesmo o Papa Bento XVI.

Por sua vez, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de São Paulo, Luis Flávio Borges D’Urso, divulgou uma nota em que se coloca contra a exposição dos quadros do artista e ameaçou processar a Fundação Bienal, já que as obras fazem apologia à violência e ao crime.

Essas obras, mais do que revelar o desprezo do autor pelas figuras humanas que retrata como suas vítimas, demonstra um desrespeito pelas instituições que tais pessoas representam, como também o desprezo pelo poder instituído, incitando ao crime e à violência.

Já Gil Vicente comentou que, com essa ação, parece que o País voltou à ditadura e questiona “Qual é o crime maior, criar ficção ou o roubo de dinheiro público dos nossos políticos?”. O fato é que a curadoria da Bienal já anunciou que não vai retirar as obras e que seria um crime contra a liberdade de expressão do artista pernambucano.

Após toda essa discussão, nós queremos saber de você: é a favor da OAB-SP e acredita que as obras realmente passam do limite e incitam a violência ou é a favor da Bienal com a “bandeira” da liberdade de expressão e a celebração do artístico?

Na minha opinião, essa polêmica me deu mesmo é vontade de conferir essa edição e ver de pertinho, não apenas esta, mas todas as obras reunidas este ano. Se você for, passe aqui no blog e conta pra gente! 😉

Agenda:
29ª Bienal de São Paulo
Parque do Ibirapuera – SP
Abertura ao público: 25 de setembro de 2010 às 10h
Encerramento: 12 de dezembro de 2010
Entrada gratuita

Horários de funcionamento
De 2ª a 4ª feira: das 9 às 19h.
5ª e 6ª feira: das 9 às 22h.
Sábado e domingo: das 9 às 19h.

Redação TMPRP
Redação TMPRP
Acompanhe:
Bienal de SP – Gil Vicente: excesso ou liberdade de expressão?

Comentários

673